Governo do Estado é convidado a participar da 30ª edição do Show Rural Coopavel

Campo Grande (MS) – Com o intuito de formalizar o terceiro consecutivo de participação do governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural) no Show Rural Copavel, em Cascavel (PR), membros diretos do evento estiveram reunidos com a vice-governadora do Estado, Rose Modesto, nesta quarta-feira (6).

Considerada uma das maiores feiras agropecuárias do País, o Show Rural, é a chance de ter em um único lugar várias oportunidades de negócios e de aprimoramento das produções e criações. Só na edição deste ano de 2017, foi fechado mais de R$ 1,5 bilhão em negócios nos cinco dias de evento. 

A maior parte do valor foi disponibilizada em linhas de créditos fornecidas aos produtores rurais para a aquisição de equipamentos agrícolas. Tal representatividade econômica e a proximidade geográfica entre os dois estados, Mato Grosso do Sul e Paraná, são dois bons motivos que há três anos estimula a parceria Agraer e Coopavel com aval do governador Reinaldo Azambuja.

“A Coopavel tem desenvolvido um trabalho com o governo de Mato Grosso do Sul, a Agraer, em especial, que tem deixado uma satisfação enorme para o Paraná como um todo. O Mato Grosso do Sul tem se destaco por mostrar nesse trabalho junto conosco mostrando o seu potencial e também levando os seus produtores para que eles possam lá ampliar o seu conhecimento e também implantar melhoria na sua propriedade”, afirmou o coordenador-geral do Show Rural, Rogério Rizzardi.

Já para 2018 o Show Rural Coopavel realizará a sua 30ª edição do evento que, inclusive, tem data confirmada para acontecer, de 5 a 9 de fevereiro. “É um evento que tem seu foco e sua característica ser uma escola ou uma faculdade a céu aberto para que as pessoas que vão lá estejam preparadas para aprender e entender quais são os novos processos que existem para aplicar na propriedade que irão melhorar a produção. Tanto que não é cobrado entrada, as capacitações são gratuitas”, enfatizou Rizzardi.

Um dos pontos avaliados durante a reunião foi a questão de como ampliar a participação de Mato Grosso do Sul na feira do próximo ano. “A gente tem que começar a pensar em como nós, governo do Estado, podemos passar uma mensagem para os agricultores e, também, para os empresários do Paraná no que tangue as nossas atividades na criação de aves e suínos, como na própria piscicultura”, enfatizou o superintendente da Semagro, Rogério Beretta.

A reunião contou também com a participação da diretora-executiva da Agraer, Gisele Farias, que representou o diretor-presidente André Nogueira,  o deputado estadual Enelvo Felini, e o gerente do Show Rural Coopavel, Acir Inácio Palaoro.

Texto: Aline Lira/Fotos: Néia Maceno – Assessoria de Comunicação de Agraer